Centenário de Manuel da Fonseca (1911-2011)

Escritor do Mês
Neste mês de outubro, a Biblioteca evoca o centenário do nascimento do escritor neo-realista português Manuel da Fonseca (1911-1993).
Natural de Santiago do Cacém, Manuel da Fonseca foi poeta, contista, romancista, autor de crónicas e ensaios, com incursões no teatro e no cinema.
É autor de uma obra pequena, mas recheada de momentos de grande beleza literária:

Rosa dos ventos (1940); Planície (1941); Aldeia nova (1942); Cerromaior (1943); O fogo e as cinzas (1951); Seara de vento (1958 - uma das obras emblemáticas do movimento neo-realista); Poemas dispersos e Poemas completos (1958); Um anjo no trapézio (1968); Tempo de solidão (1973); Crónicas algarvias (1986).
VISITA A EXPOSIÇÃO!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Concurso Nacional de Leitura – Fase Distrital

Exposição de marcadores na BE da Secundária

Estatística da BE ESOH 2012/2013